Seguro para motos. Não adquira sem antes ler isso

Tudo que você precisa saber antes de contratar um seguro para motos

 

Neste post iremos te mostrar as vantagens de se contratar um seguro para motos e porque você pode estar perdendo dinheiro por não tê-lo. Daremos também informações importantes para que você se resguarde antes de contratar um seguro através de uma corretora.

Antes de mais nada, o seguro para motos não é um luxo e sim uma necessidade. Por isso, se você adquiriu uma motocicleta seja para passeio ou para trabalho, a segunda coisa mais importante a fazer agora é proteger este seu bem de roubos e acidentes.

Todos nós ao longo de nossas vidas trabalhamos para fazer com que nossos planos e objetivos se realizem. Seja você jovem ou não, comprar uma moto para passeio ou trabalho de repente possa fazer parte de seus objetivos.

O que muitos não sabem, ou fazem questão de ignorar, é que junto com esta oportunidade vem também a responsabilidade, pois adquirir um bem de valor considerável exige um certo grau de cuidados, entre eles, manter e atentar para que este bem esteja sempre em condições de uso..

Mas quando falamos em cuidados, e neste caso específico falamos em cuidados de motos, existe um que deveria ter maior atenção entre os que a possuem, que é o contrato o quanto antes possível de um seguro.

 

Porém, o que vemos com muita frequência entre os os que possuem uma motocicleta é que esse cuidado que pode livrá-los de uma grande dor de cabeça no futuro, é simplesmente  desprezado por uma grande parte dos que nem se dão conta de que para adquiri-lo tiveram que trabalhar e muito.

Sabemos que seguro de motocicletas geralmente têm valores generosos, porém, você precisa saber que se sua moto for roubada você  não perderá somente a sua motocicleta, a conta não é tão simples assim, você perderá na verdade anos de trabalho para adquiri-lo.

Por outro lado, se você possui um seguro, você estará na verdade se resguardando  de no futuro ter de aguentar muitas dores de cabeça, você estará se protegendo de acidentes, roubos ou outros tipos de eventuais problemas.

 


Porque eu deveria ter um seguro?


Você pode pensar que não precisa de seguro para moto pois ela não sai da garagem. Saiba que roubos podem acontecer em qualquer lugar, inclusive na sua garagem, além disso, muitas empresas de seguro dão a seus clientes e/ou futuros clientes a comodidade de fazer uma cotação de preços via internet, sem precisar sair de casa.

Há serviços online 24 horas por dia, 7 dias por semana, com preços variados e acessíveis, então não existe desculpas para não fazer um seguro.

Além da comodidade de pesquisa de valores pela internet, dá a opção de contratação de seguro de moto com cláusulas que garante o reembolso das despesas que você possa vir a ter quando ficar sem a sua moto por indenização integral.


Para o seguro de moto, além das cláusulas básicas, possuem também cláusulas adicionais e/ou opcionais, assim como indenização de acessórios. As cláusulas consideradas básicas são em geral: colisão, incêndio, roubo e furto.

 

 

Qual é o melhor seguro para motos?


O melhor seguro para motos é aquele que atenda a suas necessidades e quando você precisar ele não te deixar na mão. Para isso é importante prestar atenção em alguns detalhes entre eles:

 

1) Procure antes de buscar por seguros para sua moto saber qual é a melhor para a sua necessidade.

 


Caso você queira apenas uma proteção contra roubo e furto e não se interesse em ter as demais coberturas, opte pelo seguro conhecido por não-compreensivo.

 

O que são seguro não-compreensivo?

 

O seguro não compreensivo foi criado para atender aqueles clientes que procuram por uma cobertura menos abrangentes.

 

Não são todas as seguradoras que oferecem o seguro não compreensivo , apenas algumas seguradoras oferecem.

 

Nesse tipo de de seguro o cliente contará com a proteção contra roubo, furto e perda total do carro ou moto.

 

Geralmente o seguro não-compreensivo oferece preços menores do que os seguros compreensivos. Isto ocorre porque as coberturas oferecidos por uma modalidade, não são as mesmas oferecidas pela outra.

No entanto, se você quiser incluir proteção para terceiros, contra acidentes, colisões e incêndio, o ideal para você é o seguro compreensivo.

 

O que são seguro compreensivo?

 

O seguro compreensivo concentra diversas proteções em um só documento, o que facilita para o segurado e seguradora já que os riscos são contemplados na mesma apólice.

Essa cobertura de seguro é a mais compreensível possível, isto é, o veículo/moto segurado fica protegido contra os principais e mais frequentes sinistros: colisão, furto, roubo, incêndio e danos da natureza. Ou seja, se você estacionar o carro/moto na rua e ocorrer o furto das rodas do veículo, essa modalidade irá te reembolsar.



Sendo assim, você precisa saber exatamente quais são os seus riscos antes de escolher a cobertura ideal para você, afinal, de nada adianta ter um seguro se ele não puder cobrir os riscos aos quais você está mais exposto.

Antes de contratar um seguro, esclareça com a corretora todas as suas dúvidas e certifique-se de que está fazendo a melhor opção.

 

2. Preste atenção aos benefícios


Cada seguradora possui benefícios diferenciados para os seus clientes, e eles podem ser bastante úteis para você.

A assistência 24 horas, por exemplo, que é oferecida pela maioria delas, inclui, geralmente, guincho em caso de pane elétrica, pane seca e em necessidade de chaveiro.

Algumas ainda oferecem serviços residenciais, como elétricos e hidráulicos.

 

Veja se isso será importante que a seguradora te disponibilize e se for o caso, escolha o que se enquadre nessa modalidade.

 


Quais são as coberturas disponíveis num seguro para motos


Ao optar por um seguro de moto em que a cobertura seja compreensiva, os riscos recorrentes serão contemplados, como:

Capotagem

Queda de objeto sobre o veículo

Colisões

Raio

Explosão

Roubo

Furto

Assim, você terá uma cobertura contra riscos a que sua moto está exposta, economizando um bom dinheiro  já que sem o seguro os custos seriam bem mais altos para consertos comuns.

As coberturas disponíveis para esse tipo de veículo variam de acordo com as especificações da moto. Entretanto, algumas vantagens são comuns e trazem ótimos benefícios para os clientes, como:

Guincho sem limite de quilometragem

Descontos e serviços em oficinas

Seguro de vida

Centros automotivos exclusivos

Seguro de acidentes pessoais, entre outros.




Algumas empresas especializadas na área de seguros oferecem ainda:

Serviços 24h para seus clientes

Chaveiro, caso você perca ou esqueça a chave do seu veículo

Guincho/reboque, em casos de acidente ou pane no automóvel

Troca de pneus – caso algum deles seja furado, a empresa disponibiliza um deslocamento de um prestador de serviços que dará a assistência necessária

Transporte domiciliar – para o caso de roubos ou furtos do veículo, sendo providenciado um transporte para o cliente e seus acompanhantes para qualquer local que desejem.

 

 

Riscos cobertos


Ao contratar a cobertura de roubo e furto do seguro de moto, o seu bem fica protegido contra essas duas situações. Você poderá usar essa proteção em dois momentos de roubo e furto:

Parcial – Quando quando há danos menores do que 75% da moto no caso de roubo ou furto. Por exemplo, quando há roubo do veículo e ele é encontrado com algumas peças faltando.


Total – Acontece quando há danos maiores do que 75% da moto no caso de roubo ou furto da moto. Por exemplo, a moto é furtada é encontrada toda desmontada. Ou pior, não é encontrada de forma alguma.


No momento da contratação do seguro de moto, verifique qual o tipo de cobertura de roubo e furto que a sua seguradora oferece, já que algumas seguradoras cobrem somente danos totais.

 

O que são os riscos excluídos num seguro para motos?

 

Os riscos excluídos são as situações que a seguradora não cobre, sendo de responsabilidade total do segurado. Veja algumas delas.

Atos de hostilidade, guerra, rebelião, tumulto, motim, invasão de território e altos similares que perturbem a ordem política e social do país.


Atos ilícitos ou dolosos cometido pelo segurado ou beneficiários,
Danos causados por negligência do segurado.


Eventos que não sejam decorrentes a roubo/furto (quando contratado apenas essa cobertura)


Bens e acessórios no veículo;


Custo referente a blindagem do veículo;


Robo/furto que tenham ocorridos por beneficiários do segurado, bem como sócios, cônjuge, ascendentes ou descendentes, afinidade, adoção, bem como a quaisquer parentes ou pessoas que com ele residam e/ou dependam economicamente;


De estelionato, apropriação indébita, extorsão e furto mediante fraude.


Esses são os riscos excluídos mais comuns, porém há outros específicos de cada seguradora

 

3. Observe o valor da franquia

 

São vários os tipos de franquia, como:

 

Reduzida

 

Ampliada

 

Básica

 

Isenta.

Quanto maior a franquia em caso de sinistro, menor é o valor do seguro.

Caso você opte pelo seguro compreensivo, por exemplo, que cobre perda parcial, se o veículo tiver perdas menores que 75% do seu valor, então você deverá pagar a franquia, que é parte do conserto.

 

 

O que devemos levar em consideração quando falamos em seguro para motos?



Em síntese, o que devemos levar em consideração quando falamos em seguro, não é se seguro vale à pena ou não. Seguro sempre valerá a pena, desde que escolhido de forma correta. Do mesmo modo, ao falarmos de seguro devemos procurar saber se este seguro é bom ou não.

Contratar seguro para motos é antes de qualquer coisa, se resguardar de ter de ficar somente com as parcelas do financiamento ou tirar dinheiro de outros planos e objetivos para consertar a batida num eventual acidente.

Pior que não ter um seguro é ter um seguro que não cumpre o que promete. Por isso, você em hipótese alguma deve assinar um contrato de seguro sem antes ler com muito cuidado.

Quando você não lê o contrato, você só vai descobrir que seu plano de seguro não cobre suas necessidades da maneira mais dolorida, ou seja, quando você precisar dela, isso não é o correto e você pode se livrar disso analisando o contrato de várias corretoras antes de assiná-los.

 

Você deve analisar todos os pormenores, além de procurar comentários sobre esta corretora, o que falam sobre ela etc.

Muitas vezes ficamos focados somente no valor, avaliamos a partir da tabela do seguro, isso não é o correto. É preciso saber o que de fato está corretora está cobrindo, ou seja, nos disponibilizando com este contrato.


Ao procurar por uma corretora de seguros, não se deixe encantar pela conversa macia e decorada daquela linda e treinada vendedora, peça uma cópia do contrato, leia, tire suas dúvidas e somente depois disso assine o contrato. Não desperdice seu tão suado dinheiro.

 

 

Nunca adquira seguro para motos na correria e com pressa. Avalie a corretora.


As empresas seguradoras oferecem serviços para motos pensando em atender todas as necessidades dos clientes, protegendo-os em caso de:

Colisões

Roubos

Furtos

Incêndios

Entre outros casos.

Para as pessoas que são apaixonadas por motocicletas, diferentes empresas oferecem facilidade na hora da contratação do seguro, garantindo conforto, tranqüilidade e segurança na cidade, estrada ou em qualquer destino do proprietário.

 

O que as seguradoras avaliam antes de conceder seguro para motos?


As seguradoras fazem uma avaliação para obter informações específicas e pessoais tais como:

Do proprietário do automóvel

Histórico de sinistro

Acidentes

Local da residência

Roubos de veículos anteriores

Entre outras que interferem diretamente no risco da moto.

 

Quais fatores podem influenciar no preço de seguro para motos?

 

Perfil do motociclista:

Se é homem ou mulher

Se é solteiro ou casado

Com ou sem filhos

O bairro onde mora

Se há lugar para guardar a moto

O uso principal da moto

A categoria da moto:

Se é custom ou não

Rapidez

Tudo isso é avaliado na hora de conceder o seguro variando no valor do seguro a pagar.

 

Como funciona o seguro de motos custom?

 

As motos custom são motos estradeiras que não priorizam a velocidade, mas o conforto. A altura do banco é baixa, as pedaleiras são avançadas e o tanque é grande e paralelo ao chão, de forma a proporcionar uma posição confortável para pilotagem.

A marca mais prestigiada de motos custom são as Harley Davidson. Quem pode comprar para uma Harley Davidson em geral são pessoas aficionados pela marca, pelo veículo e pelo estilo de vida.


Via de regra, são pessoas que cuidam muito bem da moto e só a usam para passeio. As motos que se enquadram nesta categoria contam com os valores de seguro mais baixos, pois como vemos o perfil do seu comprador é diferente.

Na categoria custom há ainda as roadster que além do visual e da posição de pilotagem das custom possuem desempenho comparável a das motos esportivas.

 

As chopper derivam das custom com a diferença na posição do tanque, que é alto na frente e baixo atrás, formando uma linha com o eixo da roda traseira.

As motos naked são motos que têm bom desempenho em relação ao motor, e conjunto mecânico. A posição de pilotagem é menos “deitada”, e sem carenagem, afinal naked em inglês, quer dizer ‘pelada’.

Tem postura agressiva, pilotagem mais esportiva e motorização de média ou alta cilindrada. O valor do seguro representa, em média, 11% do valor de mercado da moto, anualmente.

As motos street têm valor de seguro mais alto. É o modelo mais vendido pois são motos leves, resistentes e ágeis, mas com baixa cilindrada – variando entre 100cc até 300cc. São os modelos favoritos de quem procura uma moto de boa condução na cidade, quer se locomover diariamente, trabalhar e também quer economia.

 

Motos esportivas ou speed.

 

As motos esportivas ou speed são veículos pensados para ter alto desempenho com design futurista e carenagem, porém com componentes de material leve para não atrapalhar o desempenho e para melhorar a aerodinâmica de pilotagem.

A postura do piloto é agressiva: ele vai montado na moto. Os seguros para as motocicletas da categoria speed são os mais altos, pois elas atingem altíssimas velocidades. Entre as motos de velocidade, a freqüência de sinistros é maior e o perfil do comprador também é outro.


Quem adquire uma moto speed gosta de velocidade, o que aumenta significativamente os riscos envolvendo o condutor e o veículo. O custo anual de seguro pode alcançar 40% do valor de mercado da moto.

 

Quais são os modelos de motos mais roubados?

 

A Confederação Nacional das Empresas de Seguros (CNseg) fez um levantamento das motos mais roubadas e furtadas no Brasil no ano de 2019, com base nos dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Os dados não levam em consideração o tamanho da frota de cada modelo, assim de forma geral, as motos mais roubadas são aquelas mais vendidas.

Dez Motos Mais Roubadas no Brasil
Modelos                                            Nº Casos
Honda CG 125                                  20.875
Honda CG 150                                 11.513
Honda CBX                                             6.277
Honda NXR 150                                   5.000
Honda C100                                      4.639
Honda Biz                                             4.014
Yamaha YBR                                             3.881
Yamaha Fazer                                  2.332
Honda XR                                             1.833
Honda NX-4                                             1.793
* de janeiro a novembro
Fonte: Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) e site G1.globo.com

 

 

As seguradoras oferecem valores diferenciado dependendo das cilindradas da moto

 

  1. A) Seguro para motos acima de 90cc é maior do que de uma com mais de 500 cc

    Isso ocorre porque os sinistros ocorridos em motos pequenas são elevados.

    B) Seguradoras evitam aceitar apólices de motos de poucas cilindradas.

    Por exemplo: as motos usadas no trabalho de uso diário e intenso por correrem mais riscos de ser roubadas ou se envolverem em acidentes, possui valor maior no seguro da moto.

    O contrário acontece com motos grandes que são usadas, em geral, para o lazer e ficam menos na rua. Portanto, oferecem menos riscos, e possuem seguros com preços menores do que as motos com poucas cilindradas.

    C) Algumas seguradoras aceitam motos de baixa cilindradas e outras não.

    Como o caso da MAPFRE Seguradora, especialista em modelos a partir de 500 cilindradas e com valor máximo de R$ 150.000,00, possui benefícios e vantagens com assistência emergencial para gestantes e benefícios para segurados que não estiver apto fisicamente ou psicologicamente para conduzir a moto.

    A MAPFRE oferece gratuitamente, assistência 24 horas, tanto para a sua moto quanto para o passageiro. Reboque gratuito por até 250 km em caso de pane mecânica ou elétrica.

    A empresa Azul Seguros protege sua moto com valores de seguros que cabe no seu orçamento e ainda pode contratar as coberturas adicionais mais adequadas ao seu dia a dia, como serviço de higienização em caso de alagamento e seguros para veículos com 11 anos ou mais.

    Já a corretora Tá Certo Seguros, oferece um seguro pensando nas motos superior as 90 cc. Oferece além dos seguros básicos, a cobertura adicional e opcional que possibilita conseguir um empréstimo de uma moto, caso aconteça algum sinistro com a moto segurada.

 

Existem opções de seguros para todos os gostos, encontre o seu.


Para quem possui moto estradeira ou acima de 90cc, seja ela importada ou nacional, Custom e Sport, desde Honda, Yamaha, Suzuki, Kawasaki até Harley-Davidson, Ducati e Triumph, adquirir seguro para sua moto nunca foi mais fácil e conveniente, pelo menos essa é a proposta da Proteção Ideal Consultoria em seguros.

Outra empresa que oferece serviços para motos acima de 90cc, a Smartia Seguros Online com diversas coberturas contra colisão, furto e danos a terceiros, além de benefícios para descomplicar a sua vida, a Smartia Seguros oferece ainda chat online de segunda a sexta das 8:20 às 21:00 e sábado das 10:00 às 16:00.

Bom mesmo é a sensação de liberdade que passear com uma moto traz. Certamente é algo apaixonante.  E passear com sua moto tendo a sensação de segurança e conforto então, melhor ainda. É claro que paixão não tem preço. Então o melhor a se fazer é um seguro que pode te oferecer mais tranqüilidade.


Finalmente, antes da comprar o seguro de sua moto vale à pena planejar o orçamento, ver as opções das seguradoras, pesquisar e negociar. Faça o melhor negócio para você e para a sua moto.




 

 

Como posso saber se a seguradora é confiável?


A SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) é um órgão do governo ligado ao Ministério da Fazenda e é responsável por fiscalizar todas as operações de seguros no Brasil.

 

O segurado poderá consultar a situação cadastral do seu corretor de seguros no site www.susep.gov.br, por meio de seu registro na SUSEP, nome completo, CNPJ ou CPF. Aconselho que você faça isso antes de assinar qualquer contrato para não ter dores de cabeça amanhã.

 

 

Tipos de apólices num seguro de moto


Para o seguro de moto, podem-se incluir nas apólices as cláusulas adicionais assegurando objetos como: capacete; macacão; luvas; botas; jaquetas e malas

Cláusulas consideradas opcionais como exemplo:

Locação de outra moto de até 30 dias, em caso de perda total ou roubo da moto, e motorista profissional para levar o veículo até a residência do segurado (se o motorista ficar hospitalizado em função do acidente); danos a terceiros; hospedagem; entre outros.

Algumas apólices oferecem cobertura submersão total ou parcial do veículo em água doce proveniente de enchentes ou inundações; granizo; furacão; terremoto; incêndio ou explosão acidental; raio e suas conseqüências; roubo ou furto e suas conseqüências, como é o caso da Figa Seguros.

 

Aproveite a acirrada concorrência entre as corretoras de seguros


A “briga” que as seguradoras oferecem para conquistar os clientes é uma excelente opção para o motociclista levar vantagens na contratação do seguro da moto.

Um exemplo é a Contando Seguros.com que é uma corretora que atende todas as modalidades de seguro e ainda desafia todas as outras corretoras ao menor preço.

Garante ao segurado, no caso indenização integral da moto, o pagamento de quantia variável determinada de acordo com tabela de referência de cotação para a motocicleta (Tabela FIPE) e é pago em caso de perda total por furto, roubo, incêndio ou colisão grave, quando o reparo custar mais de 75% do valor da moto na tabela.

A empresa Total Seguros promete oferecer uma assessoria profissional de qualidade e com toda rapidez necessária, estabelecendo transparência, honestidade e respeito nas negociações.

Agora, você que acha que comprar seguro para motos com quem anda de duas rodas é um diferencial, a seguradora YDR Seguros faz parte desse mundo de motociclistas e promete ainda, cobrir preços de mercado. “Nós entendemos suas necessidades e respeitamos o Motociclista, auxiliamos na melhor contratação. As motos são parte integrante de nosso dia a dia”.

 

Links das corretoras que disponibilizam seguro para motos

 

1 – Azul Seguros

2 – MAPFRE Seguradora

3 –  Figa Seguros

4 –  Proteção Ideal

5 –  Total Seguros

6 –  Smartia Seguros

7 –  Seguro Facil.Net

8 –  Tá Certo Seguros

9  YRD Seguros

 

Dicas para evitar roubo e furto de motos

 

Proteger a sua moto nem sempre é tão fácil assim, principalmente nas grandes cidades em que o índice de criminalidade é maior. Independe de ter ou não um seguro de moto, não dá para ficar dando sopa para qualquer bandido. Para isso, separamos algumas dicas para você proteger a sua moto contra roubo e furto.

Travas
A dica é usar travas no caso de não ser possível deixar a sua moto no estacionamento. As travas podem ser aquelas correntes para colocar na roda, travas do freio de disco ou até a trava para o guidão da moto. É ideal usar todos os recursos que dificultam o furto.

Locais e horários
Não é possível catalogar uma lista de ruas e horários em que o motociclista não deve circular, já que é quase impossível saber a hora e o momento em que os assaltantes podem agir. Porém, fique atento ao andar nas primeiras horas do dia e no começo da noite, já que nesses horários há mais movimentação e os assaltantes têm maior facilidade de sumir no tumulto.

Circulação nas ruas
Encontramos na internet vários vídeos de assaltos que ocorrem com duas pessoas em cima da moto. Por isso fique atento às motos com duas pessoas.

Estacionamento
Os estacionamentos que aceitam motos são obrigados a possuir vagas demarcadas e ganchos para poder amarrar a moto. Sempre é mais confiável deixar a moto no estacionamento do que na rua, com isso as chances de roubo ou furtos são muito menores e você conta com o seguro que este estabelecimento dispõe.

 

Preço médio do Seguro moto Yamaha

 

Confira nossa tabela completa abaixo e tire suas conclusões e comparações

Modelo              Perfil do condutor              Localidade                    Preço
Honda CG 160    Masculino, 39 anos        Rio De Janeiro – RJ         R$ 385,11
Honda CB Twister    Masculino, 36 anos        Curitiba – PR                    R$ 1.615,78
Honda CG 125    Feminino, 18 anos    Marechal Cândido Rondon PR R$ 2.316,24
Yamaha YBR 150    Masculino, 43 anos         São Paulo – SP                     R$ 1.122,31
Yamaha Fazer 250    Masculino, 38 anos          Campinas – SP                     R$ 1.617,71

 

Preço médio do seguro das motos da Honda

 

Telefone das principais seguradoras do Brasil que disponibilizam seguro para motos

 

Allianz Seguros

Auto 0800-130700

Residência/Condomínio/Empresa – 0800-177178

Assistência a Vidros – 0800 701 8283

Sinistro – (11) 3156-4340

SAC – 0800-115215

 

ARGO Seguros Empresarial

Assistência 24 Horas – 0800-775-4596

 

Bradesco Seguros

Assistência 24 Horas(Reg.Metropolitana) – 4004-2757

Assistência 24 Horas(Demais regiões)  0800-701-2457

Comunicação Sinistro – (11) 4004-2757

Ouvidoria – 0800-701-7000

 

Generali Seguros

Assistência 24 Sinistro – (11) 3004-5858

Assistência 24 Horas/Sinistro – 0800-026-4040

Assistência a Vidros – 0800-280-4747

 

Itaú Seguros

Assistência 24 Horas – (11) 3003-1001/3003-1010

CarGlass SAC – 0800-704-4416

 

Liberty Seguros

Assistência 24 Horas – (11) 4004-5423

Comunicação Sinistro – (11) 4004-5423

Assistência a Vidros – (11) 0800-701-4120

 

Porto Seguro

Assistência 24 Horas – (11) 3337-6786/0800-727-0800

Acompanhamento Sinistro – (11)3337-6786/3366-6645

Sinistro RE – (11)3366-3110/0800-727-8118

Acompanhamento Sinistro Vida – (11)3366-3377

 

Sul América

Assistência 24 Horas – (11) 4090-1012

(Demais Regiões) 0800-777-1012

Ajudas 4004-4100

AutoGlass – 0800-283-9927

Sinistro Auto – 3003-6595(Acompanhamento)

Sinistro RE- 3003-0837(Acompanhamento)

 

Sompo Seguros

Assistência 24 Horas – (11)3156-2990 / 0800-77-19-119

Assistência a Vidros – 0800-707-7376

Residência / Empresa / Condomínio – 0800-016-2727

SAC – 0800-7719-719

 

Azul Seguros

Assistência 24 Horas(Reg.Metropolitana) – 4004-3700

Assistência 24 Horas(Demais regiões) – 08007030203

Comunicação Sinistro – (11) 4004-3700

 

Chubb Seguros

Assistência 24 Horas – 0800-055-9091

Sinistro – Região Metropolitana – (11) 3003-4363

Sinistro – Demais Regiões – 0800-702-5048

 

HDI Seguros

Assistência 24 Horas – (11) 3003-5390/0800-434-4340

Assistência a Vidros – (11) 3003-5390/0800-726-6616

 

Ituran Rastreador

Sinistro – (11) 3616-9000

Sinistro – 0800-015-3600

Assistência 24 Horas Mapfre – 4004-0101

Assistência 24 Horas Mapfre – 0800-705-0101

Sinistro/Assistência 24 Horas Cardif – 0800-606-0046

Sinistro/Assistência 24 Horas Cardif – 0800-770-0302

 

Mapfre Seguros

Assistência 24 Horas – (11) 4004-0101/0800-775-4545

Assistência 24 Horas – 0800-775-4545

Comunicação Sinistro – (11) 4004-0101

 

Suhai Seguros

Assistência 24 Horas – 0800-327-8424

Furto/Roubo – 3003-0335

 

Tokio Marine

Assistência 24 Horas – (11) 0800-31-86546

Central Sinistro Capitais – 0300-33-86546

Central Sinistro Demais Regiões – 0300-33-86546

Assistência a Vidros – 0800-707-8005

 

Zurich Seguros

Assistência 24 Horas – (11) 0800-729-1400

Assistência a Vidros – 0800-025-6303

 

Vejam abaixo 10 opções de motos Honda que custam até R$ 20 mil 2019 seus respectivos preços de seguro

 


Se você está pensando em comprar uma moto com até R$ 20 mil, confira abaixo quais os modelos que a Yamaha Motos oferece, e ainda confira o preço médio de seguro nas seis principais cidades do país.



1. YAMAHA LANDER 250     R$ 16.990,00

 

Yamaha-lander-250

Seguro Total R$ 1.976,00*

Seguro Roubo R$ 972,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



2. YAMAHA FAZER 250 R$ 15.590,00

Yamaha-fazer-250

Seguro Total R$ 1.898,00*

Seguro Roubo R$ 1.083,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



3. YAMAHA XTZ CROSSER 150 Z R$ 12.590,00

Yamaha-xtz-crosser-150 z

Seguro Total R$ 1.546,00*

Seguro Roubo R$ 645,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



4. YAMAHA XTZ CROSSER 150 S R$ 12.390,00

Yamaha-xtz-crosser-150s

Seguro Total R$ 1.564,00*

Seguro Roubo R$ 627,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



5. YAMAHA NMAX 160 R$ 12.390,00

Yamaha-nmax-160

Seguro Total R$ 808,00*

Seguro Roubo R$ 591,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



6. YAMAHA FAZER 150 R$ 10.690,00

Yamaha-fazer-150

Seguro Total R$ 1.351,00*

Seguro Roubo R$ 588,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



7. YAMAHA FACTOR 150 R$ 9.590,00

Yamaha-factor-150

Seguro Total R$ 1.514,00*

Seguro Roubo R$ 556,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



8. YAMAHA FACTOR 125 i R$ 8.590,00

Yamaha-factor-125i

Seguro Total R$ 1.170,00*

Seguro Roubo R$ 535,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.



9. YAMAHA NEO 125 R$ 8.390,00

Yamaha-neo-125

Seguro Total R$ 622,00*

Seguro Roubo R$ 403,00*



Observação: Seguro calculado utilizando perfil de principal motorista masculino com 30 anos nas 6 principais capitais do Brasil: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Ceará. Para saber mais, confira todos os detalhes no final deste artigo.

 

Qual o preço do seguro para motos de motoboys?

 

Com o alto índice de acidentes com motos, foi observado que grande parte das situações envolvia motoboys, que passam grandes períodos sob as duas rodas e, com a correria do dia a dia, podem acabar atropelando algumas leis de trânsito. Erros e imprudência são as principais causas das fatalidades.

Muitos amantes das motos não fazem seguro, pois sabem que o valor é alto se comparado ao de um carro. Continue a leitura do texto e saiba qual a diferença entre seguro para motoboys e motociclistas!

Motociclistas e Motoboys
motociclistas e motoboys

Por ser mais ágil que outros transportes, a moto oferece maior risco a quem a pilota. Os motociclistas geralmente utilizam o veículo para lazer e, muitas vezes, para o esporte. Já os motoboys as utilizam diariamente como meio de trabalho, o que enquadra o uso em uma categoria profissional, o que faz com que o risco calculado pelas seguradoras aumente. Para tranquilidade dos motoboys, já existe um tipo de seguro específico a eles, validado num acordo coletivo entre o sindicato patronal e o sindicato dos empregados.

Algumas seguradoras não aceitam segurar motos utilizadas para fins comerciais, por entenderem que o uso intenso devido ao trabalho diariamente é um grande risco de acidente ou desgaste. Como as motos grandes e de lazer ficam menos tempo na rua, apresentam menos perigo e, consequentemente, têm o valor reduzido na hora de fechar contrato de seguro. As empresas que possuem motoboys devem ter seguro para eles, caso contrário, terá que arcar com as despesas em caso de sinistro, bem como o pagamento das multas.

 

Para segurança e proteção das pessoas que se transportam sobre rodas, foi criado o DPVAT (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres) e toda a população nacional tem o direito de obter este seguro. A taxa deve ser paga junto com IPVA, mas muitos motoristas desconhecem a finalidade de realizar o pagamento do DPVAT.

Este seguro é obrigatório por lei e tem a função de indenizar apenas as vítimas de acidentes de trânsito causados por veículos motorizados. Ele só é pago pelos proprietários dos veículos, porém, muitos pilotos não fazem o pagamento dessa taxa e circulam com a moto ilegalmente, alegando que o valor do DPVAT é alto.

Como fazer um seguro comum para sua moto
como-fazer-um-seguro-comum-para-sua-moto Geralmente os seguros comuns para motos têm um valor abusivo e, por isso, muitos pilotos deixam de fazê-lo. A Suhai possui o seguro ideal para você que deseja aproveitar sua moto com segurança e tranquilidade. Não possui franquias, dispensa análise de perfil e não faz restrição de modelo, marca ou ano. O seguro é feito sem burocracia e com total indenização caso sua moto seja furtada ou roubada.

Muitas seguradoras não realizam seguros para motoboys, entretanto, na Suhai, além de achar o que procura, você terá acesso a ótimos valores em relação às demais seguradoras de motos no mercado. A Suhai também possui assistência 24hrs em todo o Brasil para os momentos de emergência.

Você é motoboy ou usa sua moto para lazer? Já fez seguro para o seu veículo? Se você é amante do veículo de duas rodas, siga nosso blog para saber tudo sobre o universo das motos